Digite abaixo o que procura:

Etiquetas para roupas – Como são fabricadas?

Etiquetas para roupas – Como são fabricadas?

Você sabia que as etiquetas para roupas da Sansil são feitas em teares?

Apesar de esse ser um equipamento já utilizado há centenas de anos, nossos teares têm tecnologia de última geração. Essas máquinas são especializadas na fabricação de etiquetas bordadas e permitem um grande volume de produção em curto espaço de tempo. Assim, é possível manter a qualidade e a entrega no prazo que a sua confecção necessita.

As etiquetas bordadas apresentam inúmeras vantagens sobre as demais: são mais clássicas, mais confortáveis e, certamente, são a melhor opção na relação qualidade/preço.

Além disso, temos diversas opções de tecidos, cores e bordados para que você escolha o que melhor se adapta à sua necessidade e à sua confecção. Conheça os diferentes tipos de etiquetas e de acabamentos de nossas etiquetas para roupas.

Etiquetagem de produtos têxteis e suas normas

Assim como em todos os segmentos da indústria, a produção de etiquetas para roupas também há normas de regulamentações. Elas são desenvolvidas a fim de padronizar a qualidade dos produtos, como são produzidos e como devem ser entregues ao consumidor.

De acordo com o regulamento, é definido como produto têxtil aquele que se compõe exclusivamente por fibras, filamentos têxteis ou ambos. Produtos têxteis destinados ao território brasileiro devem contem as seguintes informações:

  • o nome do fabricante responsável,
  • país de origem,
  • material utilizado em porcentagem,
  • cuidados para uma melhor conservação do produto.

Além desta, demais normas devem ser cumpridas para que haja padronização na qualidade do produto que é entregue ao consumidor.

Assim, ao solicitar a fabricação das etiquetas para roupas de sua confecção, não deixe de observar o Regulamento de Etiquetagem de Produtos Têxteis. Esse é o principal documento legal que regulamenta a utilização de etiquetas bordadas nos produtos têxteis. Foi aprovado e promulgado pelo Conselho Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial, através da Resolução nº 2, de 6 de maio de 2008. Esteja sempre atento às modificações dessas regulamentações. Fique sempre em conformidade com a fiscalização, evitando multas e prejuízos desnecessários.

Comente esse post