Digite abaixo o que procura:

Etiquetas para roupas te ajudam a comprar o tecido correto | Sansil Etiquetas Bordadas

Etiquetas para roupas te ajudam a comprar o tecido correto

Ao comprar alguma peça do vestuário é importante conhecer os tipos de tecidos e saber das suas propriedades. Nas etiquetas para roupas você pode encontrar essas informações. Você precisa avaliar se os tecidos são mais confortáveis e não agridem a pele. Afinal, conhecendo, você consegue avaliar o que vale mais e o que vale menos. Todo tecido pode ser feito com fibras naturais ou artificiais/sintéticas. As fibras naturais são algodão, linho, lã e seda. Esses tecidos são confortáveis, duráveis, flexíveis, resistentes, de toque agradável, práticos de manter e ventilam bem. Já os tecidos feitos com fibras artificiais (tipo viscose, raion, acetato, poliéster, acrílico e nylon) secam rápido e quase não amassam. No entanto, não absorvem a transpiração e podem queimar com facilidade na hora de passar.

Nem todas as pessoas, contudo, são “experts” quando o assunto é tecido, é por isso que é tão importante ler com atenção as etiquetas para roupas, pois é onde contém as informações sobre a mistura de fios que compõem cada peça. Por determinação do governo, toda roupa deve vir com etiqueta. Dessa forma, entendendo as informações que contêm nesses itens, podem-se avaliar coisas tipo:

  • Uma peça com maior quantidade de tecido natural é sempre mais fresquinha; além disso, essas são peças de maior qualidade, por isso o valor cobrado pode ser mais alto;
  • Uma peça com maior quantidade de tecido sintético é mais quente e podem ser mais baratas. Não é um bom negócio pagar muito caro por uma roupa 100% sintética, pois elas não duram muito e não são tão confortáveis;
  • Materiais naturais dão uma impressão mais elegante e são mais duráveis; enquanto isso, as peças feitas de materiais sintéticos são mais difíceis de cuidar, pois nas primeiras lavagens já apresentam o desgaste;
  • Tudo que tem strech/elastano tem fio sintético na composição; tecido plano (que não estica) pode ser feito de tecido natural ou de tecido sintético; malha (tecido que estica, tipo viscolycra, jérsei, suplex, etc) pode ter porcentagem de tecido natural, mas quase sempre contém mais sintético.

Comente esse post

%d blogueiros gostam disto: